terça-feira, 30 de junho de 2015

Kitry, nova fase

Bem, como eu havia pensado desde o princípio, aqui vão meus registros sobre o ensaio da variação (Desafio de Kitry): entro numa nova fase em que já executo a coreografia toda, sem morrer. Olé!
Demorei mais tempo pra acertar a micro pirueta que vem depois do développé do começo do que todo o resto. Estava bem feliz com minha Kitry até semana passada. Porque hoje ensaiei com a saia mais longa e tudo se desestruturou. Incrível como a gente não se acha na menor das mudanças. Tudo saiu nas duas vezes que passei. Mas não tão automático e legal. Mais uma pra aprender, dona Ana.
Estou com muita dor nos pés.
As unhas estão chatas e a sapatilha começou a quebrar mais do que deveria.
Hoje é dia de banho com algum amolecedor de cutícula, depois corte das unhas, remoção dos cantinhos com amor e carinho e descanso das pontas amanhã. Os dias ruins também existem e são eles que fazem os outros serem melhores.
Night, night!




Nenhum comentário: