quinta-feira, 18 de março de 2010

Roseli Rodrigues

Faleceu hoje uma das mais espetaculares coreógrafas do Brasil.

Roseli Rodrigues, fundadora do Grupo Raça, que sempre tive o prazer de assistir e lugar que infelizmente não tive o tempo de frequentar. Adoraria ter ao menos feito uma de suas aulas.

Quando minha querida tia Miti se foi, disseram que estrela não morre. Ela muda de lugar.
Mais uma delas hoje brilhando no céu.

Grupo Raça

Raça Cia. de Dança de São Paulo em duas décadas de trabalho ininterrupto passou por todas as provas, trânsito e estilos diversos, teve ao longo destes anos uma proposta de trabalho que consegue sensibilizar e despertar unanimidade do público e da crítica. Foi chamada a habitar o imaginário de duas gerações de bailarinos acordando neles a percepção de modo distinto de abordar a dança. Uma Cia. Brasileira, não pelas suas propostas temáticas e sim porque seus corpos exalam Brasilidade. Sua diretora e coreógrafa residente, Roseli Rodrigues, soube imprimir na Cia. uma marca indelével, a vitalidade. Mas a dança da Raça não é de vitalidade apenas física; existe no corpo da Cia. paulista o palpitar de uma vitalidade de inteligência emocional, uma Dança de fibra jovem, coração forte e pulmões aeróbicos respirando as dinâmicas transitórias do universo urbano, e é com esta vitalidade que a “Raça” traduz a Dança do Brasil de hoje.

Merecedora de mais de oitenta prêmios por manter sempre trabalhos de grande qualidade poética, artística e técnica, coleciona em seu repertório coreografias de Roseli Rodrigues, Luis Arrieta, Ivonice Satie e Henrique Rodovalho.

Seu estilo faz com que espectadores se aproximem da dança e a reconheçam como arte de linguagem universal.

A circulação dos workshops e espetáculos da Cia. pelas principais cidades do Brasil tem como objetivo principal popularizar a prática da dança e favorecer a criação de platéias. Realizou em 2001 e 2002, com o apoio da Funarte e Ministério da Cultura, um projeto de circulação com espetáculos e workshops nos estados de Minas Gerais e São Paulo e como convidada realizou uma turnê pela Itália incluindo as cidades de Roma, Terni, Salermo, Tagliacosa, Crotone, Enna, Calabicheta, Piazza Armería e outras cidades da Sicília. Em 2004 se apresentou em Portugal no 39º Festival de Sintra, e em 2005 foi convidada especial para Noite de Gala do 23º Festival de Joinville. Em junho de 2008 cumpriu temporada de sucesso em São Paulo com os espetáculos Tango Sob Dois Olhares e Caminho da Seda. Em agosto 2008, participou a convite do Cello Dance – Rio International Cello Encounter (Rio de Janeiro) onde viveu uma experiência única dançando Tango Sob Dois Olhares ao som de música ao vivo. Com o espetáculo Caminho da Seda foi selecionada para o Circuito SESI de Dança/2008.

Em março de 2009 estreou seu novo espetáculo, “Cartas Brasileiras” na capital paulista com o Patrocínio dos Correios e apoio Secretaria de Estado da Cultura de São Paulo.

Nenhum comentário: